Oscar 2010

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Oscar 2010
82nd Academy Awards
Data 7 de março de 2010 (2010-03-07)
Organização Academia de Artes e Ciências Cinematográficas
Apresentação Alec Baldwin
Steve Martin
Local Kodak Theatre
Los Angeles
País  Estados Unidos
Destaques
Maior número de prêmios The Hurt Locker (6)
Maior número de indicações Avatar e The Hurt Locker (9)
Melhor filme The Hurt Locker
Cobertura televisiva
Estação ABC
Duração 3:37:00
Audiência 41.62 milhões
Produtor Bill Mechanic
Adam Shankman
Oscar 2009 Oscar 2011

A 82.ª Entrega dos Prêmios da Academia ou simplesmente Oscar 2010 foi uma cerimônia da indústria cinematográfica norte-americana que premiou os melhores filmes de 2009. A festa apresentada pelos atores Alec Baldwin e Steve Martin, ocorreu no dia 7 de março de 2010 no Teatro Kodak em Hollywood. Nesta edição, 10 filmes concorreram a categoria principal (Melhor filme), uma tentativa de não deixar de lado grandes sucessos de cinema e colocar apenas, os mais dramáticos. Os indicados foram anunciados pela atriz Anne Hathaway e pelo diretor da Academia Tom Sherak. Os filmes com mais indicações foram Avatar (James Cameron) e The Hurt Locker (Kathryn Bigelow), cada um com 9 indicações.

A edição deste ano foi marcada pela atribuição do prémio de melhor realização a Kathryn Bigelow, pelo seu filme de baixo orçamento The Hurt Locker. Foi a primeira vez que uma mulher arrecadou esse prémio na história da entrega dos Óscars.

O filme de Avatar, de James Cameron, arrecadou apenas três prémios dos nove a que estava indicado.

Indicados e vencedores[editar | editar código-fonte]

Vista-keditbookmarks.png Indica o vencedor dentro de cada categoria.[1]

Vista-keditbookmarks.png The Hurt LockerKathryn Bigelow, Mark Boal, Nicolas Chartier e Greg Shapiro
Vista-keditbookmarks.png Kathryn BigelowThe Hurt Locker
Vista-keditbookmarks.png Jeff Bridges – Crazy Heart como Otis "Bad" Blake Vista-keditbookmarks.png Sandra Bullock – The Blind Side como Leigh Anne Tuohy
Vista-keditbookmarks.png Christoph Waltz – Inglourious Basterds como Hans Landa Vista-keditbookmarks.png Mo'Nique – Precious como Mary Lee Johnston
Vista-keditbookmarks.png The Hurt LockerMark Boal Vista-keditbookmarks.png PreciousGeoffrey S. Fletcher por Push de Sapphire
Vista-keditbookmarks.png Up – Pete Docter Vista-keditbookmarks.png El secreto de sus ojos ( Argentina) — Juan José Campanella
Vista-keditbookmarks.png The Cove – Louie Psihoyos e Fisher Stevens
  • Burma VJ – Anders Østergaard e Lise Lense-Møller
  • Food, Inc. – Robert Kenner e Elise Pearlstein
  • The Most Dangerous Man in America – Judith Ehrlich e Rick Goldsmith
  • Which Way Home – Rebecca Cammisa
Vista-keditbookmarks.png Music by Prudence – Roger Ross Williams e Elinor Burkett
  • China's Unnatural Disaster: The Tears of Sichuan Province – Jon Alpert e Matthew O'Neill
  • The Last Campaign of Governor Booth Gardner – Daniel Junge e Henry Ansbacher
  • The Last Truck: Closing of a GM Plant – Steven Bognar e Julia Reichert
  • Rabbit à la Berlin – Bartosz Konopka e Anna Wydra
Vista-keditbookmarks.png The New Tenants – Joachim Back e Tivi Magnusson
  • The Door – Juanita Wilson e James Flynn
  • Instead of Abracadabra – Patrik Eklund e Mathias Fjellström
  • Kavi – Gregg Helvey
  • Miracle Fish – Luke Doolan e Drew Bailey
Vista-keditbookmarks.png Logorama – Nicolas Schmerkin
Vista-keditbookmarks.png Up – Michael Giacchino Vista-keditbookmarks.png "The Weary Kind" de Crazy Heart – Ryan Bingham e T-Bone Burnett
Vista-keditbookmarks.png The Hurt Locker – Paul N. J. Ottosson Vista-keditbookmarks.png The Hurt Locker – Paul N. J. Ottosson e Ray Beckett
Vista-keditbookmarks.png Avatar – Rick Carter e Robert Stromberg Vista-keditbookmarks.png Avatar – Mauro Fiore
Vista-keditbookmarks.png Star Trek – Barney Burman, Mindy Hall e Joel Harlow Vista-keditbookmarks.png The Young Victoria – Sandy Powell
Vista-keditbookmarks.png The Hurt Locker – Bob Murawski e Chris Innis Vista-keditbookmarks.png Avatar – Joe Letteri, Stephen Rosenbaum, Richard Baneham e Andrew R. Jones

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]